domingo, 15 de fevereiro de 2015

A menina do copo d'água


    Assistir a bons filmes é uma forma maravilhosa de relaxar e aproveitar o feriado de carnaval. Então, vou apresentar a vocês um dos meus filmes favoritos que todo mundo deveria ver pelo menos uma vez na vida.
     "O fabuloso destino de Amélie Poulain" "Le fabuleux destin d'Amélie Poulainé" - é uma comédia romântica francesa de 2001 protagonizada pela incrível Audrey Tautou - que vocês provavelmente conhecem como Sophie Neveu de "O Código da Vinci"
    Amélie é uma jovem introspectiva que descobre um novo objetivo para a sua vida quando encontra, por acaso, uma caixa com objetos da infância de Dominique e vê a alegria dele ao devolvê-la: fazer as pessoas felizes através de gestos singelos.
    O filme é doce e encantador. A atuação impecável de Audrey, que transmite com primor a lacônica delicadeza tangível da protagonista, a trilha sonora - principalmente instrumental - deliciosa e o charmoso cenário francês tocam a alma, transmitindo uma mensagem profunda acerca da importância das pequenas ações e de como ser feliz é mais fácil do que pensamos. Eu recomendo bastante, você passa a olhar para o mundo de uma forma diferente; espero que tenham a oportunidade de assistir. Bom carnaval!
    


Alguns trechos que me marcaram:
  • "Então, minha querida Amélie, você não tem ossos de vidro, pode suportar os baques da vida. Se deixar passar essa chance, com o tempo, seu coração ficará tão seco e quebradiço quanto o meu esqueleto. Então, vá em frente, pelo amor de Deus!" - pintor.
  • "Sem você, a emoção de hoje seria pele morta da emoção do passado" - Hipólito. 




Direção: Jean-Pierre Jeunet
Roteiro: Guillaume Laurant
Elenco : Audrey Tautou
         Mathieu Kassovitz
Gênero : Comédia romântica
Idioma : Francês



sábado, 14 de fevereiro de 2015

A história do Valentine's Day



    A origem do dia de São Valentim - Valentine's Day - ocorreu no século III, em uma cidade chamada Terni, nos arredores de Roma.
   Objetivando formar um exército grande e poderoso, o imperador romano Claudius II proibiu a realização de casamentos em seu reino, pois acreditava que os jovens alistar-se-iam com maior facilidade, se não tivessem família. 
  No entanto, Valentim, bispo de Terni, inconformado com a injustiça, continuou a realizar os casamentos dos jovens apaixonados, mesmo com a proibição do Imperador. As cerimônias eram realizadas em segredo, mas a prática foi descoberta e Valentim foi preso e condenado à morte.  Sua decapitação aconteceu em 14 de Fevereiro de 270. 
     Enquanto ele estava preso, muitos jovens jogavam flores e bilhetes dizendo que ainda acreditavam no amor. Entre as pessoas que jogaram mensagens ao bispo, estava uma jovem cega, Artérias, filha do carcereiro, a qual conseguiu permissão do pai para visitar Valentim. Os dois apaixonaram-se, e ela recuperou a visão milagrosamente. O bispo chegou a escrever uma carta de amor para Artérias com a seguinte assinatura: “de seu Valentim” - como vemos atualmente, nas cartas "From your Valentine" ou "To my Valentine".  
    O dia 14 de fevereiro, festa do santo, é considerado, em muitos países, o dia dos namorados, mas no Brasil, é um dia comum, e o dia dos namorados comemora-se em 12 de junho.
     É isso aí, como não tenho um Valentine :( para aproveitar o dia comigo - o universo gosta de bancar o difícil to me -  resolvi fazer este post pra vocês <3 Espero que tenham curtido. 

    Happy Valentine's day,
    "From your Valentine" haha 

Você se importaria de me ler um pouco?



Querida Aurora,


Você se importaria de me ler um pouco?
Estar sem óculos é levemente pior que estar sem criatividade. Este anel é demasiado delicado para meus dedos rudes. Sinto a necessidade de olhá-lo constantemente, para que não suma. Embaralho sentimentos como os mágicos embaralham cartas. Apenas os meus, no entanto. O padrão de bolinhas rosa da minha caneca me agrada, e aprecio ser agradada como poucas coisas neste mundo, você sabe? Claro. Escuro ou transparente. Aprendi, na semana passada, que as lentes dos óculos escuros são transparentes. Claramente confuso, não é? Óptica geométrica existe para provar que física teórica é igual a café com açucar, para mim. Talvez porque se trata de subjetivismo, e o meu cérebro sempre fez apologia à disfuncionalidade.

Lugar de fone é ouvido,
lugar de cabeça, pescoço,
lugar de chocolate é logo depois do meu esôfago.

Sou poetisa e escrevo poesias indeléveis e não me importo de possuir controle insuficiente acerca de minhas faculdades mentais. Gosto de vírgulas, mas respeito as normas gramaticais.